Carregando Eventos
19
abril
sexta-feira

Ação Litúrgica – Paixão, Oração, Adoração Santa Cruz

19 abril - 19:00às21:00

Quando falamos em adorar  A CRUZ, não entendemos a cruz em si, mas o instrumento em que Jesus nos exprimiu o maio gesto de seu amor.

Para se dizer que se adora A CRUZ, nunca se pode separá-la da Pessoa-Jesus.

E é uma expressão que a Igreja só usa especificamente na função de Sexta-feira Santa à tarde (hora em que Jesus morreu).

É um tema muito interessante, mas, de fato delicado, como explica o artigo de Luiz Felipe Nanini.

Abraços.

Pe. Antonio Marcos Girardi.

 

A Adoração da Santa Cruz, realizada durante a Celebração da Paixão do Senhor na Sexta-Feira, pode gerar alguma confusão na cabeça dos menos informados, e dar a ideia de que estamos cometendo uma Idolatria.
Na verdade existem duas formas de prestarmos culto seja a Deus, seja aos Santos. Podemos prestar culto de maneira absoluta ou relativa. Vamos entender melhor.
Quando algo se refere a Deus, e portanto também a Jesus, podemos fazer uma adoração relativa ao Objeto, que significa que cultuando o objeto, estamos cultuando a Deus. O culto é dado diretamente ao objeto, mas indiretamente a Deus.
Por outro lado, quando estamos falando diretamente de Deus, o nosso culto é dito absoluto. Pois ele é dado de maneira direta. Assim, a Eucaristia prestamos culto absoluto, pois a Santíssima Eucaristia é nosso Senhor, em Corpo, Alma e Divindade.
Desta forma, quando dizemos que estamos adorando a Cruz, não está errado, mas a Adoração é dita relativa, uma vez que adorando-a, estamos adorando a Cristo Nosso Senhor.
Texto publicado por Luiz Felipe Nanini da página O Vaticano II em Debate: Concílio e Tradição.
Detalhes
Data: 19 abril
Hora: 19:00às21:00